Gusttavo Lima, após lucrar R$ 100 milhões, poderá perder parte da fortuna por acusação na Justiça

65

O cantor sertanejo Gusttavo Lima poderá ter que desembolsar uma bolada para pagar uma multa, já que está sendo processado por plágio em um dos maiores hits de sua carreira

Gusttavo Lima, um dos cantores mais bem pagos e bem sucedidos da atualidade, está enfrentando uma verdadeira barra na justiça. Acontece que o sertanejo está sendo acusado de plágio pelo hit “Saudade Sua“, uma de suas músicas mais ouvidas de 2020, e pode perder incríveis R$ 80 milhões.

Leia também:

Enio Silvério e Reinaldo Barriga, apresentadores do podcast EnterHits em parceria com o Movimento Coutry, repercutiram a situação e comentaram sobre a possível culpa do pai de Gabriel e Samuel. Acontece que Fábio Basílio de Freitas, o suposto compositor por trás do single, explicou na época que chegou a enviar a música para a equipe de Gusttavo Lima, com o intuito de vender a canção ao sertanejo. Todavia, isso acabou não acontecendo do jeito que ele esperava, já que não recebeu nem um real, e nem mesmo os créditos pela criação.

“É proibido vender uma música de sua composição. Você não pode doar a sua música nem para seus filhos, nem para seus netos, nem para sua esposa. O direito da composição é um direito intransferível. Seus herdeiros só terão direito a sua música depois da sua morte. E depois de 80 anos, segundo uma lei, vira uma música de domínio público”, diz Enio Silvério.

“Quando Gusttavo Lima oferece dinheiro ao compositor, parece uma confissão de culpa, né?”, questiona Reinaldo Barriga no podcast. O apresentador fez referência ao que foi revelado na mídia. Antes do processo ser iniciado, o sertanejo tentou apaziguar a situação, oferecendo dinheiro ao dono da música.

“Eu fiz uma música, entreguei para o Gusttavo Lima e ele tem uma equipe de compositores de muita estratégia, que acabaram catando a canção e manipulando. Isso foi em 2018”, revelou Fábio Basílio de Freitas, compositor da cidade de Uberlândia (MG), durante uma entrevista recente ao Domingo Espetacular

“Ele não falou nada e eu acabei esquecendo da história. Um tempo depois, ele mesmo me ligou perguntando se eu queria vender a música. Me ofereceu primeiro R$ 100 mil e eu disse para ele esperar um pouco porque eu tinha oferecido para outras pessoas. Ele me ofereceu R$ 200 mil mas pedi só mais um tempinho. No dia 14 de maio de 2020, ele lançou a música. Ele fez o plágio e registrou no nome do irmão dele, o Luciano, e de mais três pessoas”, completou.

O processo corre em segredo na Justiça e ainda não teve desfecho.

Gusttavo Lima faturou R$ 100 milhões em 12 horas

(Foto: reprodução)
(Foto: reprodução)

Aumentando seus negócios fora dos palcos, Gusttavo Lima só possui motivos para comemorar neste fim de ano. Acontece que o famoso conseguiu lucrar R$ 100 milhões em apenas 12 horas, ao colocar franquias do ‘Frigorífico Goiás’, do qual é sócio, à venda.

O negócio é avaliado em R$ 500 mil por filial, e possui um grande número de empresários interessados. “Negócio muito bem estruturado, muito seguro pros investidores. Uma taxa de lucratividade na casa dos 40%.”, contou o sertanejo, em entrevista a Leo Dias.

Gusttavo Lima ainda afirmou que o negócio rompeu as fronteiras brasileiras e já chegou até mesmo na Europa. “Foram oito franquias pros Estados Unidos, uma em Londres, duas em Portugal, duas para Austrália”, disse.