Júlia e Rafaela encerram série de releituras com hit de Paula Fernandes

69

Júlia e Rafaela dão cara nova e arranjo com violoncelo a “Jeito de Mato”, hit de Paula Fernandes


É com uma introdução de violoncelo e violão e, claro, o dueto sempre impecável, que a dupla Júlia e Rafaela deram uma nova cara ao sucesso “Jeito de Mato“, da cantora Paula Fernandes. A versão repaginada chega nesta sexta-feira (10) às plataformas de música e o videoclipe está disponível no canal oficial da dupla no YouTube.

A releitura de um dos maiores clássicos do repertório da cantora mineira, autora da música em parceria com Mauricio Santini, lançada originalmente em 2009, num dueto com o violeiro e cantor Almir Sater, encerra a trilogia escolhida por Júlia e Rafaela de canções que influenciam musicalmente a carreira delas. “Aeee!! Cês vão amar, gente. Cantaram lindamente essa canção que eu amo demais da conta“, recomendou Paula nas redes sociais.

Buscando expressar da maneira mais pura a relação que Júlia e Rafaela têm com a música, as irmãs de 19 anos, candidatas a ocupar o posto deixado por Marília Mendonça após seu falecimento repentino, se deixaram levar pela arte. Tanto a versão de “Jeito de Mato” quanto das duas releituras anteriores, “Nada Normal” (Victor & Leo) e “Minha Estrela Perdida” (João Paulo & Daniel), foram gravadas sem edição, com as duas vozes, violão e violoncelo no mesmo estúdio.

Foi uma experiência muito importante pra nós duas. Saímos do estúdio muito felizes e empolgadas por termos feito algo tão incrível e que foi gravado em uma única vez”, conta Júlia. “A versão que estamos lançando é exatamente o que foi feito no estúdio, então toda vez que ouvimos ainda arrepiamos“, completa Rafaela.

A música que fez nascer a ideia de gravar releituras em uma atmosfera bem intimista e orgânica foi “Nada Normal”, que surpreendeu o time da dupla após ouvir uma guia em voz e violão gravada pelo celular. “A essência musical da Júlia e da Rafaela é muito pura. Elas deixam o simples perfeito, então, trazer alguns sucessos para uma versão sem ensaios, num modo instintivo e o mais natural e sem edição possível foi o modo que pensamos para mostrar que elas são o que há de mais verdadeiro hoje na música“, pontua o produtor musical Ricardo Lopes.

Responsável pelo novo arranjo e por tocar violão nas faixas do trabalho de Júlia e Rafaela, Ricardo Lopes conta, ainda, que convidar Rafael Cesário, violoncelista do Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo foi tão natural quanto todo o trabalho que tem sido feito com as gêmeas. “Poucos artistas seguram essa proposta.

O último lançamento da trilogia também conta com um clipe exclusivo sob direção de Júlio Loureiro, da JL Produções, que segue a linha de manter o ar rústico da fazenda, resgatando a realidade das irmãs que moram no interior do Mato Grosso. O videoclipe está disponível no canal oficial da dupla no YouTube.

Com as três faixas lançadas e aprovadas pelo público da dupla, Júlia & Rafaela gora planejam um álbum completo com novas releituras, que será gravado em breve.