Versão grandiosa de “Cabaré” com Leonardo e Bruno e Marrone chega em 2022 e promete sucesso

Nova parceria com Bruno e Marrone dividiu opiniões já que o projeto foi idealizado por Eduardo Costa, que não está nos planos de Leonardo

Uma grande parceria no meio sertanejo está por vir! Isso porque os veteranos do ritmo, Leonardo e a dupla Bruno e Marrone, se juntarão no projeto Cabaré para um turnê no ano que vem. Isso porque, mesmo que eles estejam dentre os mais antigos na carreira, continuam fazendo sucesso inclusive, com os jovens.

Embora se envolvam em algumas polêmicas levando em conta, uma diferença de geração e pensamentos com a realidade atual, Leonardo e Bruno e Marrone se reinventam a cada ano e se mantém dentre os mais ouvidos e admirados da música sertaneja no Brasil. Com lives que bombaram durante a pandemia, os cantores se juntaram na última edição da transmissão de Cabaré, quando Leonardo ainda contou com Marília Mendonça e Jorge e Mateus.

Assuntos Relacionados 

O único problema para parte do público que admira Eduardo Costa é o fato do nome do projeto idealizado pelo cantor que rompeu com Leonardo, continuar sendo usado. Inclusive, essa é uma disputa que pode ir parar na Justiça em breve mas, enquanto isso não acontece, os fãs de Leonardo e Bruno e Marrone se animam com essa, que pode ser uma turnê histórica se as informações do youtuber Renato Sertanejeiro se confirmarem.

Nas redes, fãs dos sertanejos comemoraram: “Vai ser sucesso!”, escreveu uma internauta, “Seria ótimo”, comentou outra, “Agora sim vai ser gostoso de ouvir”, declarou um terceiro. Embora os músicos não tenham oficializado os planos futuros, logo as agendas devem começar a ser acertadas considerando que a volta dos eventos presenciais está muito perto.

“Cabaré” pode acabar em disputa judicial

Eduardo Costa e Leonardo no Cabaré (Foto: Divulgação)
Eduardo Costa e Leonardo no Cabaré (Foto: Divulgação)

Leonardo e Eduardo Costa fizeram uma das maiores parcerias dos últimos tempos com o “Cabaré, mas em meio a muitas polêmicas, incluindo a declaração de que “iria transar pensando no bebê da Thaeme, a parceria entre os sertanejos chegou ao fim em meio a boatos de uma briga que quase acabou em agressão. Agora, passado mais de um ano do rompimento, o Movimento Country teve acesso a uma informação de que Eduardo Costa estaria cogitando a possibilidade de recorrer à Justiça pelo nome “Cabaré”.

Para um melhor entendimento, o cantor sertanejo assumiu de vez em uma entrevista sua revolta contra Leonardo por ter sido excluído do “Cabaré”, projeto que ele mesmo idealizou, mas que foi registrado no INPI sob o número de registro 909841004 pela Talismã, empresa de Leonardo que cuidava da carreira de Eduardo Costa. Dessa forma, mesmo que diga “da boca pra fora” que é o dono do projeto, o cantor terá que recorrer à Justiça se quiser provar sua verdadeira propriedade, já que consta o registro no nome da empresa de Leonardo.

De acordo com fontes ouvidas pela equipe do Movimento Country, Eduardo Costa teria ficado muito incomodado com a participação de outros artistas em seu projeto, como Gusttavo Lima e Marília Mendonça, e estaria pensando em brigar pelos direitos do nome “Cabaré”, para quem sabe poder usá-lo legalmente em seus projetos ou evitar que Leonardo faça isso, já que é de sua própria criação.

Assista ao vídeo com a informação completa:

Em uma série de entrevistas, Eduardo Costa já vem mostrando seu descontentamento com Leonardo e não perde uma oportunidade para falar que a atitude do ex amigo foi uma verdadeira traição. Recentemente ele até chegou a dizer que a sensação é a mesma de que se “um cara tivesse comendo sua mulher”, o que bombou na internet e gerou grande polêmica.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. AceitarLeia Mais