Músicas de DJ Ivis despencam nas plataformas digitais após prisão por agressão à ex mulher

6

Plataformas digitais diminuíram alcance dos sucessos do DJ Ivis após vídeos em que o compositor e produtor aparece espancando sua ex esposa

As consequências da revelação da verdadeira personalidade do DJ Ivis foram imediatas. Com as imagens assustadoras de violência doméstica praticada contra sua ex esposa, Pamella Holanda, muitas vezes no mesmo ambiente onde se encontrava a filha do casal, Mel, de 9 meses, o artista viu a carreira sucumbir.

Isso porque, o forrozeiro Xand dispensou sua participação no casting de artistas da gravadora Vybbe, Zé Felipe excluiu o clipe oficial de Galega no Youtube e nas plataformas digitais, seus sucessos despencaram de posição.

Por trás de várias canções do novo ritmo piseiro que bombaram recentemente estava o DJ Ivis. Dentre elas Esquema Preferido, Não Pode Se Apaixonar e Volta Bebê Volta Neném se tornaram conhecidas em todo país. Presentes entre as 10 músicas mais tocadas do país no Spotify durante várias semanas, a última citada despencou de posição na plataforma.

Volta Bebê Volta Neném estava há pouco na 4ª posição do charts e agora aparece em 26º lugar. Isso porque, as plataformas Spotify e Deezer retiraram do ar as músicas do DJ de todas as playlist editoriais, restringindo assim o alcance do sucesso do artista, preso na última quarta-feira (14) em na capital cearense, Fortaleza.

Assuntos Relacionados

Ao G1, o Spotify informou que não tirou as músicas criadas pelos usuários mas sim, aquelas pela própria a plataforma editou enquanto que, a Deezer comunicou que “removeu todo destaque editorial ao artista, tanto em capas como em posições de playlists”.

No entanto, antes mesmo das decisões tomadas pelas plataformas, a classe artística se manifestou ativamente para que o sucesso do agressor fosse literalmente sabotado. Com um discurso de afronte aos internautas que passaram a seguir o DJ Ivis nas redes, Marília Mendonça por exemplo, detonou quem pudesse dar ibope para o artista após o comportamento exposto.

Agora, estando preso e com uma grande pressão popular para resolução do caso, DJ Ivis está com o nome manchado e mesmo depois de se acertar com a Justiça, ficará difícil para o artista recuperar 1% da fama meteórica que se encerrou.

Veja o vídeo das agressões de DJ Ivis no Instagram do Movimento Country:

DJ Ivis é preso em Fortaleza após espancar ex esposa

(Foto: Bárbara Moira/O Povo/Rede Nordeste)
(Foto: Bárbara Moira/O Povo/Rede Nordeste)

Após ser exposto em vídeos agredindo a ex esposa Pamella Holanda e ser detonado nos quatro cantos da internet por famosos e anônimos em meio a acusações de que espancava a esposa desde quando ela estava grávida, o compositor, cantor e produtor DJ Ivis foi preso na tarde da última quarta-feira (14) na cidade de Fortaleza, no Ceará.

O anúncio foi dado pelo governador do estado Camilo Santana e pegou a internet de surpresa no fim da tarde desta quarta-feira. Em seu Twitter, ele alegou que o pedido de prisão preventiva pelo caso de agressão já havia sido protocolado e agora se concretizou:

“Acabo de ser informado pelo nosso secretário de Segurança da prisão do DJ Ivis, no caso das agressões a Pamella Holanda. A prisão preventiva havia sido solicitada ontem pela nossa Polícia Civil e decretada há pouco pela Justiça. Que responda pelo crime cometido”, disse em uma postagem. Ainda não há mais informações da prisão de DJ Ivis, que devem ser soltas em breve.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais