Ficha suja: Relembre 7 cantores sertanejos que já foram presos e saiba os motivos

72

Você lembra o crime esses artistas sertanejos cometeram? Se a resposta for não, se liga nessa lista abaixo que te explicamos tudinho

Todos os dias, milhares de pessoas são presas no Brasil pelos mais diferentes crimes possíveis, que vão desde roubo, assassinato a até dívidas com pensão e os mais diversos motivos. Mas quando uma estrela nacional se envolve com a polícia e acaba presa, a história é outra e todas as atenções do país se voltam para ela, principalmente quando se trata dos artistas sertanejos, muito populares por aqui.

Na história do gênero, vários sertanejos já foram parar atrás das grades. Seja ele menos conhecido ou uma grande estrela, grandes escândalos chocaram os fãs. Dentre eles, Leonardo, Renner e muitos outros marcaram o seu nome na Justiça e possuem a ficha suja até hoje. Eita!

Confira abaixo os 7 cantores sertanejos que já foram presos

Leonardo

Leonardo come peixe cru e faz piada com o programa “No Limite” (Foto: Amendoeira Fotografia)
(Foto: Amendoeira Fotografia)

 

O pai de Zé Felipe já passou por grandes aventuras na vida, e prova disso são as 6 mães diferentes para cada um dos seus filhos, mas o que muita gente não sabia é que ele também já chegou a ser preso. Em 2014, Leonardo foi flagrado no aeroporto de Brasília com 22 cartuchos de munição de arma de fogo calibre 22. Segundo informações, ele teria o direito do porte da arma, mas não poderia andar com ela e muito menos com os cartuchos. A polícia logo agiu e o cantor sertanejo foi detido, mas ele pagou uma pensão (não especificada) e foi solto no primeiro dia. Que susto hein!

Renner (Rick e Renner)

No auge da fama, Renner, da dupla com Rick, perdeu fortuna e viveu drama financeiro (Foto: Reprodução/Internet)
(Foto: Reprodução/Internet)

 

O cantor sertanejo Renner já teve muitos problemas com drogas e bebidas, que ocasionaram inclusive no fim da dupla com Rick por um tempo. Em 2001, ele estava dirigindo embriagado quando atropelou e matou um casal na cidade de Santa Bárbara d’Oeste (SP). Ele tentou fugir, mas foi contido pela polícia e condenado a pagar R$ 244 mil para a família das vítimas para evitar a sua prisão. Em 2014, Renner voltou a bater em um carro enquanto estava embriagado e foi novamente preso; mais uma vez pagou fiança e se livrou.

Hudson (Edson e Hudson)

Hudson revela detalhes sobre seu mais novo procedimento estético. (Foto: Internet)
(Foto: Internet)

 

Outro que também foi preso 2 vezes, Hudson foi detido pela primeira vez em 2013 por porte ilegal de armas ao ser flagrado com uma pistola 380 e um revólver calibre 38 dentro do seu carro, pagou fiança de R$ 6 mil e foi liberado. No entanto, ele acabou recebendo uma segunda denúncia anônima e a polícia fez novas buscas em sua fazenda, onde foram encontradas várias outras armas e munições exclusivas do exército, atém de uma porção de maconha. Ele foi preso pela segunda vez e mais uma vez pagou fiança.

Thiago (Thaeme e Thiago)

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

 

Ex parceiro de Thaeme, o cantor sertanejo Thiago Servo chegou a passar alguns dias preso em 2016 após ser denunciado por deixar de pagar R$ 800 mil de pensão ao filho. Ele estava se preparando para uma apresentação na cidade de Jacareí (SP) quando foi localizado pela polícia e levado para a cadeia. Após sua soltura por meio de fiança, ele deu diversas entrevistas falando que foi uma das piores coisas que já passou na vida.

Wellington Camargo

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

 

Wellington Camago, irmão de Zezé Di Camargo e Luciano, já chegou a ser sequestrado há mais de 20 anos e voltou a gerar polêmica anos depois. O cantor sertanejo foi preso em Goiânia no ano de 2019 também por dívidas de pensão alimentícia. Ele tinha mais de R$ 100 mil de pensão atrasada e passou algumas horas na cadeia, até que pagou pensão e foi liberado.

Cristiano Araújo

Há 6 anos morria Cristiano Araújo, vítima de um trágico acidente de carro (Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

 

Muita gente não sabe dessa história, mas até o Cristiano Araújo já acabou atrás das grades. Em 2012, ele estava fazendo a maior festança em sua mansão em Goiânia quando os vizinhos acionaram a polícia pelo excesso de barulho no local. Na sexta ligação, a polícia bateu na porta do sertanejo e acabou detendo-o. A negociação foi feita, ele pagou 6 salários mínimos para a Justiça e foi liberado.

Ronaldo (Humberto e Ronaldo)

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

 

Mais um cantor sertanejo preso por embriaguez, em 2016 Ronaldo foi pego em flagrante após bater o carro em um poste num condomínio de luxo em Goiânia e foi detido pela polícia. O sertanejo estava sem CNH e teve que desembolsar R$ 3 mil de fiança para ser liberado e a assessoria até tentou colocar panos frios na situação falando que ele tinha ido em um evento social e bebido pouco, mas a história rodou pelo Brasil inteiro.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais