Relembre os momentos mais emocionantes do velório de Marília Mendonça

Velório de Marília Mendonça foi aberto para o público e reuniu muitas celebridades do sertanejo, em homenagem emocionante à rainha da sofrência

O corpo da cantora sertaneja Marília Mendonça chegou ao Goiânia Arena, local disponibilizado para o velório, pouco antes das 13 horas deste sábado (06). Desde as primeiras horas da madrugada de hoje, admiradores da cantora começaram a se dirigir ao local, a fim de prestar as últimas homenagens à cantora, que faleceu ontem (05) em um trágico acidente de avião.

Em um clima de forte comoção, milhares de fãs e admiradores passaram pelo local onde foram velados os corpos da cantora e de seu tio Abicieli Silveira Dias, que também perdeu a vida no acidente aéreo. A utilização do espaço foi liberada pelo Governo do Estado de Goiás. A despedida à rainha da sofrência atraiu tanta gente que muitos não conseguiram entrar no ginásio a tempo de passar em frente aos caixões.

Muitos famosos também se dirigiram ao local para o triste adeus à cantora, dentre eles Jorge (da dupla com Mateus), Naiara Azevedo, o cantor Matheuzinho (apontado como atual affair de Marília), Luísa Sonza, Matheus (da dupla com Kauã) e Cristiano (da dupla com Zé Neto), além das duplas Maiara e Maraisa e Henrique e Juliano, muito amigos de Marília.

Henrique e Juliano chegaram ao velório acompanhados de seu pai, Edson Reis, e do empresário Wander Oliveira, do escritório Workshow, que também gerenciava a carreira de Marília Mendonça. Visivelmente desolado e chorando muito, Henrique passou longo tempo em frente ao caixão da amiga, inclusive abraçado à mãe dela, dona Ruth Moreira.

A presença da dupla Maiara e Maraisa no velório de Marília Mendonça também foi um momento marcante do cerimonial. Parceiras na música e amigas íntimas de Marília, as gêmeas compareceram ao Arena Goiânia muito abatidas, chorando bastante, e permaneceram a maior parte do tempo ao lado do caixão.

Compareceram, ainda, o fotógrafo Flaney Gonzalez, responsável por toda a produção visual do projeto Patroas e que era o fotógrafo que acompanhava o cantor Cristiano Araújo na estrada, além de seu João Reis, pai de Cristiano. Vale lembrar que o cantor faleceu em 2015, vítima de um trágico acidente de carro, quando retornava de um show.

A banda de Marília Mendonça e demais profissionais que trabalhavam com ela na estrada foram muito aplaudidos ao chegar ao local. Vários deles foram carinhosamente abraçados por dona Ruth, mãe de Marília, tentando se consolar mutuamente. Convém lembrar que a equipe de Marília Mendonça é a mesma que acompanhava Cristiano Araújo à época de seu falecimento, ou seja, são profissionais que enfrentam o mesmo trauma duas vezes.

Um dos mais abalados era o cantor Murilo Huff, ex-companheiro de Marília Mendonça e pai de seu filho Léo, de apenas 1 ano e 10 meses. Muito abatido e aos prantos, Murilo precisou ser amparado por amigos à beira do caixão da amada e recebeu abraços de conforto da sertaneja Maiara. Murilo e Marília ficaram alguns anos juntos e tinham colocado um ponto final na relação há poucos meses, sem motivo explicado ao público.

Após o fechamento da cerimônia para o público, em um dos momentos mais emocionantes, Maiara & Maraisa e Henrique & Juliano deram seus depoimentos e cantaram em homenagem à amiga. As gêmeas entoaram versos de “Alívio”, enquanto os irmãos puxaram o refrão de “A Flor e o Beija-flor”, famoso dueto entre os irmãos e Marília Mendonça, que assinava também a composição da canção.

Depois das músicas e de momentos de oração, os caixões de Marília Mendonça e de seu tio Abicieli Silveira foram fechados e deixaram a Arena Goiânia por volta das 17 horas. As duplas Henrique & Juliano e Maiara & Maraisa subiram no caminhão do corpo de bombeiros que conduziu o caixão até o Cemitério Parque Memorial de Goiânia. Milhares de pessoas acompanharam o cortejo pelas ruas da capital goiana. O sepultamento, porém, foi restrito à família e aos amigos mais próximos.

Leia também:

Famosos prestam a última homenagem à Marília Mendonça

(Reprodução Twitter)
(Reprodução Twitter)

A cantora sertaneja Marília Mendonça morreu aos 26 anos na tarde desta sexta-feira (05) após uma aeronave que a levava para shows em Minas Gerais cair na Serra de Caratinga, um dos lugares mais famosos do estado. Junto da sertaneja estavam Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, o piloto e o co-pilto do avião. O motivo da queda ainda não foi apurado.

No auge da carreira, Marília Mendonça estava indicada na categoria ‘Melhor Álbum de Música Sertaneja’ no Grammy Latino deste ano ao lado de Maiara e Maraisa e estava começando a retomada dos shows depois de quase 2 anos parada devido à pandemia. A notícia da morte da cantora sertaneja parou o Brasil e deixou todo mundo chocado nas redes sociais.

Famosos e anônimos já começaram a prestar suas homenagens à Marília Mendonça, entre eles vários nomes famosos que eram próximos da cantora sertaneja, como Gusttavo Lima, Matheus e Kauan, Danilo Gentili, Simone Mendes e mais. Confira as homenagens AQUI

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. AceitarLeia Mais