Zezé Di Camargo e Luciano fazem “pausa” e priorizam carreira solo em 2022

Será o começo do fim? Zezé Di Camargo e Luciano diminuem agenda da dupla sertaneja para 2022 e passam a focar na carreira solo, mas ainda não falam em separação

Zezé Di Camargo e Luciano ainda não oficializaram o fim da dupla sertaneja, mas praticamente confirmaram os rumores de uma crise entre os irmãos após anunciarem uma “pausa” em 2022 para priorizar a carreira solo. Há muito tempo as relações entre a dupla estão estremecidas. Para quem não lembra o principal estopim do desentendimento entre os irmãos aconteceu no final de outubro de 2011, onde depois de um desentendimento no camarim eles anunciaram o fim da dupla.

Luciano acabou parando internado na UTI de um hospital em Curitiba após misturar bebida alcoólica com medicamentos que ele tomava para emagrecer. Na ocasião, seu Francisco viajou até em Curitiba e fez seus filhos prometerem não acabar a dupla enquanto ele estivesse vivo. Os irmãos cumpriram a promessa!

Um ano após a morte do patriarca, os projetos individuais de Zezé Di Camargo e Luciano criaram força o que fez aumentar os rumores do fim da dupla. Esta semana o marido de Graciele Lacerda veio à publico, mas não confirmou o rompimento do irmão. Em entrevista à QUEM, Zezé anunciou uma pausa na rotina de shows massiva com o irmão, que deve diminuir:

“Menos shows é necessário. Não dá também, porque eu e Luciano estamos com muitos compromissos (ele com o lado gospel). Zezé e Luciano pertencem aos fãs, ao nosso público. Enquanto eles quiserem, a dupla vai existir. Essas pessoas não podem ficar órfãs. Vamos diminuir os shows, mas Zezé Di Camargo e Luciano não vai deixar de existir”, afirma ele, que explica a necessidade de trabalhar sonhos solos para ele e para o irmão.

E sertanejo aproveitou a oportunidade para reforçar o lançamento de seu documentário na Netflix e a gravação do seu novo álbum que acontecerá em sua fazenda “Não faltam projetos. Depois da minissérie É o Amor: Família Camargo, tenho um disco que fiz com Wanessa, pai e filha, para lançar no dia 10, e também tenho um projeto solo que gravei um disco inteiro na fazenda”, conta.

Luciano proíbe Netflix de citá-lo em série de Zezé

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A série documental “É o Amor”, de Zezé Di Camargo e sua filha Wanessa, acabou de ganhar um trailer pela Netflix, e com ele vieram muitas polêmicas, que já rondavam a produção da série há algum tempo. Dessa vez, após boatos de que Zilu teria ficado de fora das gravações, Luciano Camargo foi quem decidiu não participar das filmagens, e inclusive procurou a Justiça para proibir a Netflix de mostrá-lo.

O motivo, segundo o colunista Leo Dias, teria sido financeiro e pessoal. Para começar, enquanto Zezé e Wanessa assinaram um contrato milionário com a plataforma de streaming, Luciano iria aparecer sem receber um centavo sequer, e aí começou seu descontentamento.

Paralelo a isso, Luciano Camargo teria sido procurado apenas no último dia 4 de setembro para dar um depoimento à produção da série, que já vem sendo gravada desde 2020, o que acabou incomodando o sertanejo. Luciano procurou a Justiça inclusive para proibir a sua aparição em imagens de arquivos (do passado), já que a Netflix só teria o procurado para pedir a sua autorização após todos os episódios já estarem editados.

A série documental “É o Amor” terá a presença de familiares e pessoas ligadas à família Camargo: Graciele Lacerda, Zilu Godoi, Thiaguinho, Paula Fernandes, Léo Santana, Tiago Abravanel e Felipe Araújo marcam presença na produção, que teve um trailer divulgado nesta semana. A série estreia no próximo dia 09 de dezembro e ausência de Luciano Camargo já chama a atenção dos fãs da dupla, que especulam uma separação desde o início da pandemia. O cantor sertanejo preferiu não se manifestar sobre o assunto.

Assista ao trailer:

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. AceitarLeia Mais